Skip to main content
encantar o cliente

Encantar o cliente ou entregar o que se promete: eis a questão!

Antes de encantar o cliente, é preciso definir alguns pontos. Estatisticamente, quase 90% das empresas nacionais e globais já têm ou se preparam para incrementar processos que privilegiem a excelência no atendimento ao cliente.

No entanto, poucas são as empresas que efetivamente conseguem encantar o cliente. Isso acontece tanto pela dificuldade em remodelar seus processos internos e externos para uma visão de fato orientada ao cliente, quanto, principalmente, pelo elevado custo associado ao encantamento.

Desta forma, do ponto de vista estratégico e pragmático, o correto a se fazer é focar nossos melhores esforços no cumprimento das “promessas” que nossos produtos, serviços e soluções fazem aos nossos respectivos públicos-alvo.

Quer um exemplo? O que você efetivamente almeja e valoriza em sua operadora de telefonia celular? Ora, que o seu celular funcione bem sem os corriqueiros e frustrantes momentos em que ele literalmente te deixa na mão.

Encantar o cliente: é preciso entregar o que se promete

Portanto, antes de encantar, questione-se, ao lado dos seus pares, líderes e liderados, se você e sua empresa têm entregado o que prometem. Ao fazer isso, você já se distancia enormemente dos seus tantos competidores.

Como sempre, ficarei mega feliz com seus comentários. Boas Vendas!

Autor:

José Ricardo Noronha

É vendedor, palestrante, professor, escritor, consultor e fundador da Paixão por Vendas. Tem como sonho e missão transformar a carreira e a vida de milhares de profissionais e os resultados de vendas de empresas, por meio do compartilhamento de lições, experiências, dicas e da sua própria história de superação pessoal.

Formou-se em Direito pela PUC/SP e tem MBA Executivo Internacional pela FIA/USP. Possui especialização em Marketing, Empreendedorismo, Empreendedorismo Social e Vendas pela Vanderbilt University (Owen Graduate School of Management). É professor nos Programas de MBA da FIA e do Programa de Educação Continuada do Corretor de Imóveis do CRECI/SP.

Escreveu os livros “Vendedores Vencedores” e “Vendas. Como eu faço?”, que contam com a participação de experts como Gustavo Cerbasi, Robert Wong, Eugenio Mussak, Raul e James Hunter, entre outros. É considerado um dos 5 maiores palestrantes e professores de vendas do Brasil.

Conheça nossas soluções: Parceria Anual Palestras


Acompanhe-me nas redes sociais: Facebook | LinkedIn | Twitter | Instagram | YouTube

Cadastre-se para receber materiais grátis em seu e-mail: www.josericardonoronha.com.br

Conheça a minha consultoria e as soluções que oferecemos: Paixão por Vendas

E-mail da minha equipe comercial: vendas@paixaoporvendas.com.br

Confira a incrível solução em EAD: Universidade das Vendas

experiência do cliente

Experiência do Cliente: o que podemos aprender com o Comandante Barbosa?

O que narro neste artigo certamente trará inspirações a você no que diz respeito à experiência do cliente.

Final de tarde na cidade maravilhosa. Centenas de pessoas no sempre belo Aeroporto Santos Dumont, à espera da próxima ponte aérea que as levará para casa, depois de um dia de trabalho ou lazer em uma das cidades mais lindas do mundo.

Todos a bordo. Portas em automático. Todos os passageiros sentados. Anúncios de segurança e pedidos de que todos os dispositivos eletrônicos estejam desligados ou em modo avião. Avião deixa o “Gate” e começa a se preparar para a decolagem. Eis que surge a primeira fala do Comandante Barbosa, que segue mais ou menos o mesmo roteiro corriqueiro de outros tantos comandantes, à exceção do tom de voz bastante “empático” e muito simpático:

“Boa noite a todos os passageiros e passageiras. Recebam as nossas boas-vindas. Temperatura no RJ na faixa dos 24°C e de aproximadamente 18°C em nosso destino, São Paulo. Poucas nuvens no céu nos indicam um voo tranquilo de aproximadamente 45 a 50 minutos. Ao longo do voo, retornarei com maiores informações. Por enquanto, bom voo a todos!”.

Experiência do cliente: o diferencial do Comandante Barbosa

Tudo relativamente normal até aqui. Eis que, aproximadamente meia hora depois, quando já nos aproximávamos de São Paulo, o Comandante Barbosa volta a se comunicar conosco:

“Boa noite passageiros e passageiras. Quem aqui vos fala novamente é o Comandante Barbosa, para lhes informar que já iniciamos os nossos procedimentos de descida para a cidade de São Paulo, onde a temperatura já caiu um pouquinho e, agora, aponta 15°C.

E, antes de pousarmos, eu quero compartilhar com vocês algumas peculiaridades e curiosidades sobre o mundo da aviação:

– Aos que estão à direita do avião, em seu horizonte já enxergarão São Paulo. Aos que estão à esquerda, verão Santos e São Vicente.

– Quando decolamos, nosso avião tinha aproximadamente 70 a 80 toneladas, sendo que, deste peso, aproximadamente 18 toneladas são de combustível. Até agora, já gastamos pouco menos de 2.000 kg de combustível.

– Vários me perguntam se o céu tem ‘estradas’, multas de velocidade, entre outros, e eu sempre digo que, as regras são muito parecidas com as que temos com nossos carros. Temos que respeitar limites de velocidades, rotas pré-estabelecidas etc. E, quando tomamos uma “multa”, que podem chegar a R$ 10.000,00, estas são para o próprio piloto e emitidas pela Receita Federal. Ou seja, precisamos respeitar regras muito similares às dos motoristas.

– Muita gente tem medo das turbulências, e eu quero aqui lhes acalmar. Eu pude acompanhar ao longo dos meus 28 anos dedicados a este fascinante mundo, alguns dos testes que estas máquinas são impostas e, posso lhes assegurar, que um avião não cai por turbulência.

Ele é feito para aguentar pressões inimagináveis da natureza e nós sempre pedimos que vocês nos enxerguem como médicos que os atendem nos hospitais, onde o medo logicamente se faz presente, mas, os doutores têm bastante ciência e competência para fazer tudo acontecer da melhor forma possível. Por isso mesmo, fiquem sempre tranquilos!”.

Experiência do cliente: com muito humor, o Comandante Barbosa continua sua fala e cativa os passageiros

“Aos interessados, este avião custa aproximadamente US$ 70 a 80 milhões. Nada que uma família de classe média não possa arcar com esta aquisição.

– Aviões deste porte sempre precisam de 2 pilotos, sendo que, se por acaso, um deles tiver um infarto (fiquem tranquilos, pois hoje eu não terei um, porque 3ª feira não é um dia legal para enfartar – risos), o outro está 100% habilitado a tocar o avião em segurança até seu destino.

– As refeições servidas aos pilotos precisam ser sempre diferentes, até para evitar a contaminação dos dois. Elas são especiais e não são as mesmas oferecidas aos passageiros.

– Já estou neste incrível mundo há mais de 28 anos, sendo 20 deles dedicados à ponte aérea (SP/RJ/SP).

– Enfim, estas são apenas algumas peculiaridades e curiosidades sobre este maravilhoso mundo da aviação. Espero que tenham gostado! Muito obrigado por voarem conosco!”.

Experiência do cliente: como um tratamento diferenciado conquista a todos

Ao final da sua didática, divertida e inesperada interação, todos os passageiros do voo que nos trazia de volta à São Paulo aplaudiram entusiasticamente o Comandante Barbosa, em uma lição de excelência no atendimento ao cliente e de oferta de experiências memoráveis.

Que nos inspiremos com profissionais apaixonados como o Comandante Barbosa, que conseguem transformar o seu amor pela profissão em momentos mágicos, surpreendentes e inesperados para os seus clientes.

E você, já teve alguma momento com um profissional como o Comandante Barbosa que lhe ofereceu uma experiência do cliente memorável? Compartilhe aqui conosco!

Um grande abraço e boas vendas!

Autor:

José Ricardo Noronha

É vendedor, palestrante, professor, escritor, consultor e fundador da Paixão por Vendas. Tem como sonho e missão transformar a carreira e a vida de milhares de profissionais e os resultados de vendas de empresas, por meio do compartilhamento de lições, experiências, dicas e da sua própria história de superação pessoal.

Formou-se em Direito pela PUC/SP e tem MBA Executivo Internacional pela FIA/USP. Possui especialização em Marketing, Empreendedorismo, Empreendedorismo Social e Vendas pela Vanderbilt University (Owen Graduate School of Management). É professor nos Programas de MBA da FIA e do Programa de Educação Continuada do Corretor de Imóveis do CRECI/SP.

Escreveu os livros “Vendedores Vencedores” e “Vendas. Como eu faço?”, que contam com a participação de experts como Gustavo Cerbasi, Robert Wong, Eugenio Mussak, Raul e James Hunter, entre outros. É considerado um dos 5 maiores palestrantes e professores de vendas do Brasil.

Conheça nossas soluções: Parceria Anual Palestras


Acompanhe-me nas redes sociais: Facebook | LinkedIn | Twitter | Instagram | YouTube

Cadastre-se para receber materiais grátis em seu e-mail: www.josericardonoronha.com.br

Conheça a minha consultoria e as soluções que oferecemos: Paixão por Vendas

E-mail da minha equipe comercial: vendas@paixaoporvendas.com.br

Confira a incrível solução em EAD: Universidade das Vendas

 

vendas consultivas

Vendas consultivas de alta performance têm dados alarmantes

Levantamentos mostram números significativos no setor das vendas consultivas. A mais recente (e excelente!) pesquisa “State of Connected Customers” (ou “Cenário dos Clientes Conectados”, em tradução livre) divulgada neste ano pela gigante do CRM, a Salesforce, nos brinda com dados e fatos extremamente relevantes sobre o nosso fascinante – e cada vez mais desafiador – mundo das vendas consultivas de alta performance.

A Salesforce coletou insights de mais de 6.700 consumidores e compradores sobre a intersecção entre experiência, tecnologia e confiança. Dentre as diversas informações valiosas indicadas na pesquisa, selecionamos algumas para você e sua empresa. Vamos lá!

Vendas consultivas: as expectativas dos clientes nunca estiveram tão altas

Especialmente nestes tempos de elevada competitividade e com clientes cada vez mais bem informados, exigentes, céticos, menos leais e repletos de boas opções à sua frente, a oferta de boas experiências de vendas é fundamental.

No Brasil, 89% dos clientes disseram que a experiência com as empresas é tão importante quanto produtos e serviços oferecidos. Ou seja, já passou da hora de alinhar uma boa estratégia de produto e serviço com um plano ainda mais refinado de relacionamento com o cliente, por meio da qual a personalização ganha cada vez mais destaque e já se posiciona como um diferencial competitivo de diversas empresas, que já têm incrementado as experiências oferecidas ao seu público.

E, como veremos a seguir, estas experiências devem sempre ser baseadas em um elemento fundamental: confiança.

Confiança foi, é e sempre será um elemento fundamental

Nesta época de baixa confiabilidade tanto na esfera pública (problema global, diga-se de passagem) quanto no mundo dos negócios, a confiança será cada vez mais o elo essencial que conecta as capacidades, competências e principalmente os valores e o propósito das nossas empresas aos desafios, às necessidades e problemas dos nossos clientes.

Sem confiança e credibilidade, é praticamente impossível prosperar em um mundo no qual a informação se propaga com tanta rapidez. 95% das empresas disseram que têm uma alta probabilidade de ter maior lealdade com as empresas em que confiam.

Sem os pilares essenciais que sustentam os bons negócios (ética, integridade, confiança e credibilidade), será cada vez mais difícil competir no mundo das vendas consultivas.

A estreita relação entre a 4ª Revolução Industrial e a oferta de boas experiências

Como sempre falamos em nossos treinamentos e workshops nas melhores e mais incríveis companhias do Brasil e do mundo, apostar nos “diferenciais competitivos” das nossas empresas será tarefa cada vez mais desafiadora – para não dizer impossível! -, em virtude do acelerado processo de comoditização que acomete grupos empresariais de todos os portes e dos mais variados setores.

Este cenário é ainda mais acentuado nos setores em que as tecnologias “disruptivas” eliminam diferenças entre as ofertas dos produtos e serviços.

O olhar dos líderes deve estar focado em oferecer experiências cada vez melhores em todos os seus canais de atuação. E, ainda, em oferecer oportunidades de capacitação para todos os seus profissionais.

Isso fará com que tenham as habilidades e técnicas necessárias para entender as necessidades, os desafios e problemas dos clientes na área de vendas consultivas.

A enorme desconexão entre o entendimento das necessidades dos clientes e a oferta de produtos e serviços

Ainda que todos nós que trabalhamos com vendas complexas já saibamos que é fundamental conhecer profundamente os interesses, desafios e as necessidades dos nossos clientes e potenciais compradores, eles ainda se queixam muito da falta deste entendimento. 54% dos clientes não acreditam que os seus fornecedores estão efetivamente focados nos interesses do seu público.

No entanto, 76% têm uma expectativa cada vez maior de que seus fornecedores conheçam amplamente as suas necessidades e expectativas.

E um dado ainda mais preocupante: somente 27% dos clientes corporativos afirmam que seus fornecedores têm superado as suas expectativas na entrega de boas experiências.

Fica clara a desconexão entre as promessas e expectativas geradas ao longo do ciclo de vendas, e a entrega de produtos e serviços. Nesta linha, 57% dos clientes trocaram de fornecedor, pois o seu concorrente gerou melhores experiências.

A relação direta entre melhores experiências e a maior percepção de valor pelo cliente

No Brasil, 83% dos clientes corporativos estão dispostos a pagar um maior valor em troca de melhores experiências de compra. Aliás, vale realçar outro dado fundamental no mundo das vendas consultivas, mencionado no excelente livro “A Venda Desafiadora”: mais de 50% do processo de tomada de decisão do cliente se dá exatamente em virtude de uma melhor “experiência de vendas”.

Em outras palavras, para fugir da comoditização, que por tantas vezes nos força a entrar em guerras de preço, é preciso oferecer experiências espetaculares na área de vendas consultivas.

Não há outro caminho. Vivências que, por mais que possam ser elevadas pelas ótimas e cada vez mais disponíveis tecnologias, ainda precisam (e muito!) do elemento “humano”. Este também se faz presente na pesquisa, quando nos deparamos com 92% dos clientes corporativos (B2B) que desejam experiências tão boas quanto as buscadas para si próprios (B2C).

Conclusão e comentários da Paixão por Vendas

Todos os dados indicados acima corroboram com tudo o que temos trabalhado com nossos clientes na Paixão por Vendas.

Neste mundo incrivelmente competitivo e comoditizado que vivemos, será cada vez mais imprescindível investir vigorosamente no incremento do repertório de técnicas, habilidades, conhecimentos, comportamentos e atitudes de vendas dos nossos profissionais e líderes, assim como na sua alta aderência e conexão com as excelentes ferramentas tecnológicas que temos hoje à nossa disposição.

Desta forma, será possível oferecer melhores experiências aos nossos clientes. Francamente, ninguém quer mais ser tratado como um número.

E se você achou os dados acima úteis, compartilhe-os com todos os seus colegas, líderes e liderados, para que juntos vocês possam revisitar as suas estratégias comerciais. Sempre tendo como foco principal o encantamento de seus clientes, por meio de experiências realmente memoráveis e que só se fazem possíveis com profissionais constantemente treinados e bem preparados.

E fica a dica também para baixar a excelente pesquisa “Cenário dos Clientes Conectados” da Salesforce: clique aqui para baixar.

E, como sempre, ficaremos muito felizes com os seus comentários sobre este artigo.

Um grande abraço e ótimas vendas!

Autores:

José Ricardo Noronha

É vendedor, palestrante, professor, escritor, consultor e fundador da Paixão por Vendas. Tem como sonho e missão transformar a carreira e a vida de milhares de profissionais e os resultados de vendas de empresas, por meio do compartilhamento de lições, experiências, dicas e da sua própria história de superação pessoal.

Formou-se em Direito pela PUC/SP e tem MBA Executivo Internacional pela FIA/USP. Possui especialização em Marketing, Empreendedorismo, Empreendedorismo Social e Vendas pela Vanderbilt University (Owen Graduate School of Management). É professor nos Programas de MBA da FIA e do Programa de Educação Continuada do Corretor de Imóveis do CRECI/SP.

Escreveu os livros “Vendedores Vencedores” e “Vendas. Como eu faço?”, que contam com a participação de experts como Gustavo Cerbasi, Robert Wong, Eugenio Mussak, Raul e James Hunter, entre outros. É considerado um dos 5 maiores palestrantes e professores de vendas do Brasil.

Bruno Strunz

Sócio da Paixão por Vendas, Bacharel pela PUC/SP (Direito) com Pós-Graduação em Direito Societário pela FGV/GVLaw.

Possui anos de experiência em grandes escritórios de advocacia no Brasil, bem como em renomadas empresas. Atou no Departamento Jurídico da Volkswagen AG (Alemanha) e na Ambev, no Departamento Jurídico (Societário/M&A) e na Diretoria de Vendas.

Antes de se tornar sócio da Paixão por Vendas, era um dos societários responsáveis pela área Empresarial do WZ Advogados. Foi considerado um dos Advogados Mais Admirados do Brasil pela Análise Advocacia 500.

E, acima de tudo, o Bruno não acredita em talento! É um grande entusiasta do poder transformador da Educação de alta qualidade, com disciplina, foco e execução. Tudo isso para incrementar as vendas e o posicionamento competitivo dos nossos clientes.

Conheça todas as nossas soluções: Parceria Anual Palestras | TreinamentosEAD


Acompanhe-nos nas redes sociais: Facebook | LinkedIn | Twitter | Instagram | YouTube

Cadastre-se para receber materiais grátis em seu e-mail: www.josericardonoronha.com.br

Conheça as soluções que oferecemos na consultoria: Paixão por Vendas

E-mail da minha equipe comercial: vendas@paixaoporvendas.com.br

Confira nossa incrível solução em EAD: Universidade das Vendas

tres-dicas-para-vender-mais

Três dicas para vender mais

Que honra ter um artigo meu publicado pelo excelente Portal da ABEVD – Associação Brasileira de Empresas de Vendas Diretas.

Três dicas para vender mais

Especialista aponta caminho para quem deseja aumentar as vendas durante o anoCom a instabilidade da economia nacional, garantir os resultados nas vendas é um desafio para os profissionais. Pensando nisso, José Ricardo Noronha, especialista, consultor e autor do livro “Vendas: Como eu faço?”, elencou as três dicas principais para aqueles que desejam potencializar as vendas durante este ano. Confira:1. Foque na experiência do cliente
O ponto de partida para melhorar as experiências do consumidor no momento da compra é adequar seus produtos e serviços às demandas de mercado. Dessa forma, é possível transformar todos os momentos de venda em uma oportunidade de aprendizado e questionamento sobre as necessidades dos clientes.

“Para criar as melhores e mais inesquecíveis experiências a cada um dos nossos clientes, entender profundamente as necessidades e desejos deles nunca foi tão fundamental e crucial quanto agora”, afirma o Noronha.

2. Aprimore o seu repertório de vendas
“Diante de clientes muito mais exigentes e de um mercado muito mais desafiador, quem continuar a usar as mesmas técnicas e habilidades de sempre vai ficar para trás”, alerta o consultor.

Por isso, a dica é investir no aprimoramento de habilidades e técnicas de vendas para ampliar o seu repertório pessoal. Assim, é possível prever dificuldades e assegurar os resultados de vendas.

3. Invista em marketing de conteúdo
Aposte nas estratégias de marketing para estreitar o relacionamento com os seus clientes e fornecer conteúdos relevantes. Além disso, aproveite as novas plataformas para apresentar as novidades de seus serviços para a sua rede de clientes.

“Em tempos mais desafiadores como os que agora enfrentamos, é preciso inovar (de verdade!) na forma com que você e sua empresa se comunicam e se relacionam com seus clientes”, conclui Noronha.

Fonte: Exame

Você Vai Continuar
Torrando Dinheiro com
Treinamentos e Palestras?

Baixe agora o eBook rápido de alto impacto com
5 dicas preciosas para não torrar dinheiro com
treinamentos desconectados da sua realidade.

Você está a UM PASSO de baixar
seu exemplar do eBook!

Deixe seu nome e seu melhor e-mail
para receber o link de download.