Skip to main content

Muito prazer, eu sou Vendedor!!

Salesman

Há algum tempo assisti à Palestra do Presidente de um dos maiores sites de compras coletivas. Em um determinado momento da Palestra / Debate, ele foi questionado sobre como os vendedores da empresa abordavam novos clientes em busca da criação de novas e interessantes ofertas para os milhões de brasileiros ávidos por consumir produtos e serviços de boa qualidade com um baixo custo. O que me intrigou foi a resposta dele: “Em nossa empresa, não temos vendedores. Temos consultores de vendas!”.

Embora já não me surpreenda tanto quando ouço absurdos assim, ainda fico realmente zangado e frustrado quando vejo o quanto nós profissionais de vendas somos marginalizados e estigmatizados como profissionais com baixíssima qualificação e que desfrutam de pouca ou quase nenhuma credibilidade no mercado.

Esta percepção equivocada acerca das nossas habilidades e da nossa expertise no trato com o mercado e com os clientes gerou uma busca frenética por novas expressões que pudessem maquiar a tão nobre carreira de Vendedor com V maiúsculo. Quantas vezes não nos deparamos com títulos como: Consultor de Vendas, Executivo de Contas, Gerente de Contas Estratégicas e Especialista de Vendas entre outras tantas denominações que foram criadas única e exclusivamente com o intuito de mascarar a nossa real função, a de Vendedores?

Devo reconhecer que ainda existe um “gap” muito significativo entre as necessidades das empresas em contarem com bons vendedores em suas forças de vendas e as habilidades e capacidades existentes e perceptíveis na grande maioria dos vendedores. Este “gap” se deve a inúmeros fatores, dentre eles, a não existência de cursos superiores que formem vendedores. Preparamos nossos filhos para serem advogados, médicos, administradores, psicólogos, dentistas, veterinários, contadores, jornalistas e assim por diante. Eu mesmo ainda não vi nenhum pai e nenhuma mãe que sonhem que o filho vire vendedor.

No entanto, somos milhões e o mercado não pode prescindir da nossa competência, das nossas habilidades e da nossa grande importância como geradores de riqueza, solucionadores de problemas e realizadores de sonhos de pessoas, empresas e da sociedade. E é aqui que está a nobreza em tudo o que nós vendedores fazemos. Produtos, serviços, ideias e conhecimentos podem ser verdadeiramente magníficos e brilhantes, mas sem a competência de vendedores bem capacitados e acima de tudo orgulhosos por cumprir uma missão social tão bacana nada é possível.

Costumo dizer que um dos maiores desafios das empresas no Século XXI é traduzir estratégias brilhantes e muitas vezes complexas em uma execução magnífica e que entregue resultados sempre superiores. E a boa execução só se dá quando os vendedores são bem remunerados, constantemente treinados e quando usufruem do reconhecimento legítimo e genuíno da alta gestão como profissionais de fundamental importância na realização de todas as metas e objetivos estratégicos das empresas.

Aliás, como Vendedores Vencedores e de grande sucesso que desejamos ser, não podemos nunca adotar uma postura reativa de esperar que as empresas que trabalhamos ou que representamos sejam 100% responsáveis pela nossa capacitação. No mundo de vendas cada vez mais complexas e de clientes cada vez mais exigentes, precisamos investir em nós mesmos o tempo todo. Cursos, palestras, livros, jornais, revistas, vídeos e bons artigos são uma excelente dica para dar início a uma jornada fascinante em busca de mais conhecimento.

Como o grande sonhador que sou advogo diariamente para que o mercado e toda a sociedade reconheçam e valorizem a nossa nobre função de Vendedores.

Muito prazer, eu sou o José Ricardo Noronha e sou Vendedor!!

José Ricardo Noronha – Vendedor com o maior orgulho do mundo!

www.paixaoporvendas.com.br

Redes Sociais: clique nos links abaixo para se conectar comigo nas principais redes sociais.

Facebook     YouTube    Linkedin     twitter     Flickr

10 comentários em “Muito prazer, eu sou Vendedor!!

  1. Meu amigo VENDEDOR caipira Zé Ricardo
    Querido
    que emocionante seu artigo.
    Copiei e mandei pra todos os amigos corretores de Imóveis,meus clientes,meus fornecedores de roupas e sapatos, enfim pra tanta gente que precisa se sensibilzar com a nobreza de ser VENDEDOR.
    Começar o dia lendo o que o amigo VENDEDOR escreveu
    é uma benção maior que nos concede o SENHOR DE TODAS AS ENERGIAS
    Obrigado, muito obrigado.
    Abraços fraternos à você sua esposa e filhas.
    EDMUNDO COSTA
    ORGULHO DE SER VENDEDOR DE IMÓVEIS REALIZANDO SONHOS DE MORAR BEM E SER FELIZ.

    1. Meu querido amigo Edmundo,

      Muito obrigado pelo incrível carinho e confiança de sempre! Agradeço também por compartilhar esta nobre e magnífica causa com todos os seus amigos. Precisamos não apenas sensibilizar a sociedade, mas principalmente dignificar a profissão do “vendedor profissional”. Façamos isso sempre juntos!

      Precisamos agendar um almoço ou café.

      Um grande abraço do seu amigo vendedor,

      José Ricardo Noronha
      Vendedor, Palestrante e Professor Convidado dos Programas de Pós Graduação da FIA
      http://www.josericardonoronha.com.br

  2. Amei seu artigo. Repassei logo para a ACIASA/CDL – Aimorés-MG, onde sou secretária, sugerindo que seja repassado a todos nossos associados. Parabéns.

  3. a pessoa que se habilita como vendedor , tem que ser vendedor , não estar vendedor … e poucos tem esse dom.Dizem que ninguém nasce para ser alguma coisa …mas tem que ter dom para a nobre arte das vendas

  4. Parabéns, José Ricardo Noronha,Vendedor, Palestrante e Professor Humilde e de fé,muito propicio, o pouco que li aqui , fiquei muito feliz por ver que temos pessoas como o sr. sou idosa , no meu tempo os vendedores , queriam era derrubar o seu colega. Com seus ensinamentos, e conselhos do Professor Marins, só fica desempregado, quem quer e não leu seus livros.Vou propagar . Abraços, a minha querida Evelise.e suas filhinhas, ao sr, obrigada por tudo isso,abraços.da D.. Juracy.

  5. Meu DEUS ! Li com certo “desconforto” o que você, Caro José Ricardo (Que não tive, ainda, o prazer de conhecer pessoalmente.) sobre ser Vendedor e não Consultor de
    Vendas, ou outros títulos que alguém, não se sabe bem quem , INVENTOU, para rot-
    tular o Profissional de Vendas. Pois bem, vou tecer aqui meus comentários sobre este
    tema. :, – Sou Palestrante Motivacional de Profissionais de Vendas e em todos meus
    trabalhos chamo a atenção, exatamente sobre a expressão Vendedor, que poderá ser
    confundida com “VENDE…DOR” : Você, por um acaso já teve a oportunidade de estar
    frente-a-frente com um desses? – Você já viu algum CLIENTE pegar o Vende-dor pe-
    los braços e “EXPULSA-LO de seu estabelecimento ? Você já se hospedou em algum
    Hotel, no Interior do País, que mantinha exposto um cartaz na entrada com o seguinte
    aviso “AQUI, NESTE HOTEL, É PROIBIDA A ENTRADA DE CACHORRO E VENDEDOR
    VIAJANTE ” – Já viu ? Não ?, pois eu, lamentavelmente, VI ! e procurando saber as
    razões de tais comportamentos, fiquei sabendo que tudo originou pelo comportamento
    inadimissivel desses “ELEMENTOS que DENIGREM nossa profissão. Destaco sempre
    que aquele de se identifica como vendedor é justamente o que está entrando na ativi-
    dade por OCUPAÇÃO (“Eu não estou fazendo nada mesmo, então vou ser vendedor),
    diferente do que está na atividade, por VOCAÇÃO e PROFISSÃO. Vou te dar mais uma
    razão do porque que nós, “PROFISSIONAIS DA AREA”, devemos nos apresentar como
    CONSULTORES DE VENDAS, sim senhor. Quer mais um exemplo ? Então vai lá:
    Você já ouvi e ou conheceu algum “CURANDEIRO”, isto mesmo, aquele “cara” que diz
    que é capaz de “CURAR” quaisquer doenças ? Sendo que isto é função do MÉDICO,
    que, dedicou boa parte dos anos de sua Juventude, enfiado dentro de uma
    Faculdade de Medicina para, enfim, conquistar o almejado titulo de DOUTRO, de MÉDICO.
    Pois bem ,não temos em nosso País, nenhuma Escola de nível Superior que gradue o
    Profissional de Vendas, mas temos, sim O brilhante SENAC que presta este serviço com
    grande competência. Ademais ,trabalhar com vendas, se propor a VENDER alguma coisa
    não é tarefa FÁCIL e é, exatamente por isto, que desperta a PAIXÃO ! .Quando se alcança êxito em quaisquer coisas que fazemos, Sentimos o gosto
    muito saboroso da PAIXÃO pelo que se fez.; Pense nisto, vamos difundir entre nossos
    estimados COLEGAS a ideia de se IDENTIFICAREM COMO CONSULTORES DE VENDAS
    assim e só assim seremos RESPEITADOS e DIFERENCIADOS por nossos clientes !
    Grande abraço, SUCÉSSO e…. Parabéns por sua PAIXÃO, tenho muito orgulho de saber
    que tenho um colega que se declara “APAIXONADO” pelo trabalho que faz .

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você Vai Continuar
Torrando Dinheiro com
Treinamentos e Palestras?

Baixe agora o eBook rápido de alto impacto com
5 dicas preciosas para não torrar dinheiro com
treinamentos desconectados da sua realidade.

Você está a UM PASSO de baixar
seu exemplar do eBook!

Deixe seu nome e seu melhor e-mail
para receber o link de download.